segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Foste o primeiro pedaço de metal
Que senti nos lábios
Contra os lábios e ao luar.
Hoje és tu quem parece
Uma lua prestes a ser nova.

19.01.2016

Turku

João Bosco da Silva
Lembro-me do sabor da tua
boca depois de me engolires.
Não demoraste em
comer uma banana,
tal era a tua fome.

18.01.2015

Turku


João Bosco da Silva